top of page
Buscar

Um monte de oliveiras

Por: Alberto Moghrabi



Daquela vez a gente teve que ir fugindo mesmo. Quem é que ia aguentar mais um seminário sobre judaísmo estando justo ali, onde tudo tinha começado?


Da janela da sala de aula a gente podia enxergar a cidade velha, o sol brilhando no domo dourado da mesquita de El Aksa. Sem dar muito na vista, saímos de fininho e tomamos o ônibus que nos levaria até a Porta de Jaffa. Depois de ultrapassar as grossas muralhas, por dentro daquela entrada em L à prova de aríetes o ambiente mudava por completo.

Quer ler mais?

Inscreva-se em conteudojudaico.com para continuar lendo esse post exclusivo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page