top of page
Buscar

Uma caminhada em Jerusalém depois do Juízo Final que não existiu



Por: Gary Wexler


Após a derrota aérea desta manhã do desastre iminente, a estratégia de comunicação de Israel e do povo judeu mudou. Temos uma nova realidade.


Sete horas depois do início das explosões, depois de me amontoar no quarto seguro da casa dos meus amigos, depois de talvez três horas de sono, saí para as ruas de Jerusalém às 8 da manhã. Vi a cidade intacta e intocada, pessoas circulando por toda parte, correndo, andando de bicicleta. Os caminhões de entrega estavam em rota, o mercado de frutas e legumes estava aberto. Respirei fundo, afirmando a vida. Pensei em como Israel e o povo judeu enfrentaram a aniquilação há apenas algumas horas sombrias e que estou muito orgulhoso deste país. Com todas as suas desvantagens – e são muitas – Israel soube trabalhar com os seus aliados e proteger a sua existência, os seus cidadãos, o povo judeu, de forma impressionante. Tenho orgulho das FDI – do empenho dos seus soldados e da sua superioridade tecnológica. Estou percebendo depois dessa experiência, enquanto dou aula aqui durante o semestre, como estou ainda mais ligado a esse lugar.

Quer ler mais?

Inscreva-se em conteudojudaico.com para continuar lendo esse post exclusivo.

0 visualização0 comentário

Comments

Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
Kadimah-assine.png
bottom of page